sábado, novembro 25, 2006

Resíduos

- Mas que pressa é essa? Ainda te queimas com o café. Até pareces que estás atrasado para o trabalho.
- Vou à Rocha Conde Óbidos.
- Que vais lá fazer para estares com tanta pressa?
- Quero ir ver o “Destiny”.
- Nunca ouvi falar nessa banda.
- Não é nenhum concerto, é o nome de um barco.
- Não sabia que gostavas de barcos.
- É por causa do Green Peace.
- Os da ecologia?
- São esses mesmos.
- Mas o que é que vais lá ver?
- Estão a impedir a saída do barco.
- Mas porquê?
- O barco transporta resíduos.
- Estás a brincar comigo! Nós não temos centrais nucleares, como é que temos resíduos radioactivos?
- Não são radioactivos.
- Ah! Estou a compreender. São os óleos pesados e os que contêm metais pesados.
- Também não são esses.
- Então que porra estão a transportar?
- São os que já foram reciclados e já não prestam para mais nada, só ocupam espaço e dão despesa.
- E não podem ser incinerados?
- Eles bem gostavam de o poder fazer, mas dizem que emitem um mau cheiro muito grande.
- Explica-me que tipo de resíduos são esses, nunca ouvi falar deles.
- Já ouviste e muitas vezes, mas como só o que acontece no futebol é importante para ti, nem deste por nada.
- Não te importas de explicar tudo de uma vez só?
- Está bem. No fundo o assunto também te diz respeito.
- Desembucha!
- O governo não reciclou os empregados que atingiram os 65 anos, para passarem só a reformarem-se aos 70?
- Sim e depois?
- Reformados aos 70, só quer pagar-lhes a reforma até aos 75, pois sai-lhe mais barato pagar o fretamento do barco para os exportar como resíduos sociais para um país do Terceiro Mundo, cujo presidente recebe umas coroas por cada um, do que lhes pagar as reformas até aos 90.
- Espera aí, vamos lá ver se entendi. Um gajo anda a vida inteira a descontar para a reforma e só recebe pensão durante 5 anos e depois é considerado lixo?
- Isso mesmo.
- Mas assim a Segurança Social tem um lucro fantástico.
- Mas porque é que julgas que foi ela privatizada?

21 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Augusto, até me pareceu estar a ler as Farpas. Genial!

9:46 da manhã  
Blogger sonia r. said...

Muito interessante este texto. Bom dia Augusto.

11:06 da manhã  
Blogger amadis / pintoribeiro said...

Gosto de o ler, Augusto. Boa tarde.

6:24 da tarde  
Blogger Sofocleto said...

Bendito laissez faire! Sempre tão eficaz e competitivo. O ideal seria se morrêssemos todos aos setenta e cinco!

7:57 da tarde  
Blogger A Sonhadora said...

Olá Augusto, boa noite...obrigada pelos comentários....todos...
Beijocas da sonhadora

8:45 da tarde  
Blogger Klatuu o embuçado said...

Nem mais!

2:46 da manhã  
Blogger pintoribeiro said...

E reli. Com o café. Bom dia Augusto, um abraço,

9:32 da manhã  
Blogger Josefa Pacheca Pereira said...

Amem-me em vida, esqueçam-me em morto. Triste história triste a dos tristes tugas tristes. Bom dia.

9:33 da manhã  
Blogger Mendes Ferreira said...

onde vais? vou ao Klepsidra.

que vais lá fazer?


vou ler. respirar.aprender. reaprender. sorrir. concordar.


ahhhhhhhhh.



olá Augusto...sempre estuante.



beijos.

6:22 da tarde  
Blogger Å®t_Øf_£övë said...

Augusto,
Gostei deste diálogo, que apesar de ficcionado tem nele contido uma grande critica e verdade.
Parabéns.
Abraço.

10:16 da tarde  
Blogger pianola / Sonia R. said...

Sida, 25 anos depois. Bom dia.

9:07 da manhã  
Blogger pintoribeiro said...

Bom dia Augusto. Vim deixar um abraço, sem resíduos, para lá da amizade.

9:37 da manhã  
Blogger Peter said...

REFORMADOS:

"Morram depressa. Portugal agradece"

9:44 da manhã  
Blogger contradicoes said...

Bolas Augusto já não bastavam as sugestões deles para vires também contribuir com uma dica destas.
Depois admira-te se eles fazem algum acordo com o Eduardo dos Santos, O Nino Vieira etc e por intercâmbio colocam lá os aposentados na administração pública desses países.
Ainda acabas por ser responsabilizado por seres o autor da sugestão.
Um abraço do Raul

10:22 da tarde  
Blogger Sonia R. / Sombras said...

Bom fim de semana Augusto.

10:09 da manhã  
Blogger legivel said...

Bem engendrada a ligação do lixo-lixo ao homem-que-querem-atirar-pró-lixo. Que terrível dilema?! este, o da esperança de vida ser mais elevada e o homem nunca ter pensado? nisto. E quando a dita-cuja atingir a fasquia dos cem anos? Liquidam o pessoal trabalhador aos quarenta?

abraço.

11:42 da manhã  
Blogger Peter said...

Eu gostava de saber o que fizeram à merda do dinheiro que me andaram a descontar durante 36 anos?

3:48 da tarde  
Blogger trintapermanente said...

este dialogo foi entre quem? :)

11:47 da tarde  
Blogger martelo said...

muito refinado, Augusto! muito ao sabor das preocupações dos que ainda estão vivos... pressupostamente um Estado deve ( tem a obrigação moral e legal) de cuidar dos seus cidadãos...
outra razão não existe para sustentar chulos em cadeirões.
um abraço e que a reforma não nos falte durante muitos anos até os vermos cair...

11:03 da tarde  
Blogger Ulysses said...

É realmente dificil de acreditar!
1 Abraço

10:26 da tarde  
Blogger Equipe Pensamentos Peculiares (PP) said...

O Texto "Origem da Vida" ainda vai ajudar muitas pessoas que se perdem no meio da dúvida.

6:19 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home