segunda-feira, outubro 17, 2005

Noite mágica

Há quem não acredite em magia, por esta pressupor algum truque enganador que nos apresenta uma realidade que é falsa. Se no circo isso acontece já o mesmo não posso dizer no jantar que realizámos no passado dia 15 de Outubro. Foi uma realidade mágica.
Quando estamos em frente ao computador, lendo e comentando os textos publicados, não fazemos a mínima ideia de quem está do outro lado, limitamo-nos a imaginá-lo.
A nossa imaginação é tanto mais fértil, quanto o agrado dos textos que lemos, e em muitos casos, pela qualidade destes, ela além de grande, deixa-nos o um desejo implícito de conhecer os seus autores.
Na sociedade em que vivemos, em que muitos querem conviver mas poucos o fazem, esta oportunidade, que me pareceu ser partilhada por todos, foi a Távora Redonda como diria o Fernando, não de qualquer reunião mundana, mas onde as ideias, as empatias e afinidades se sentaram.
Com a presidência não do rei Artur, mas do Merlin, pois a noite era de magia, sentaram-se à mesa os Cavaleiros das Letras. Uns já conhecidos pelos seus feitos e presenças anteriores, outros que pela primeira vez emprestavam a sua dignidade à reunião com as suas demandas e outros ainda, os recém armados cavaleiros no reino virtual da blogosfera.
Todos estavam ansiosos de se conhecerem, narrarem as suas façanhas e ouvirem a narração dos outros.
Toda a cavalaria participou activa e entusiasticamente, onde a narração inicial, depressa deu lugar ao debate de ideias, à troca de experiências e até de algumas confidências, passando o reino de virtual a real. Isto era a magia da noite.
Tive imenso prazer em conhecer estes cavaleiros e os seus feitos, gente aguerrida e coerente onde o seu Graal lhes compassa a vida. Nem com todos tive a oportunidade de conversar, desejo não conseguido, pois o inimigo comum, o tempo, ganha sempre a batalha. Mas se a fala, nestes casos, se ficou pela expectativa, já o mesmo não aconteceu com a companhia que foi por si própria, uma coisa magnífica.
De magia em magia, com o decorrer da noite, a empatia ia trespassando todos, motivando os menos expressivos e empolgando os outros, saciando curiosidades, descobrindo segredos e partilhando experiências.
Apesar do tempo ter ganho a batalha, demos-lhe luta renhida, o convívio durou até às quatro horas da manhã, não sem antes um dos cavaleiros, no meio do entusiasmo geral, propor a formação de uma Ordem.
Conscientes de corresponder ao anseio de todos, eu, o pajem e o Fernando, o Merlin, vamos continuar a organizar mais Távolas Redondas, com uma periodicidade mais curta, do que tem acontecido até aqui, para as quais deixamos já o convite a todos vós.
Oportunamente o arauto dará notícias.

21 Comments:

Blogger Sandra Feliciano said...

Epá! Depois de ler este texto, até me fiquei a sentir qual Guinevere!! ;o)

Apenas para repetir aqui, no castelo do co-organizador desta távora, o que já tive oportunidade de dizer ao Fernando: O meu louvor e agradecimento aos organizadores do evento. Foi um jantar muito simpático, cheio de gente boa e com muita alegria, num local a bonito e confortável, com boa comida e excelente serviço.

Távoras destas, venham elas!

P.S.: Temos mesmo de esperar até Janeiro?? ;o)

12:41 da manhã  
Blogger Carmem L Vilanova said...

Amigo Augusto!
Estive cá a imaginar como foi este encontro mágico e fiquei a deliciar-me com teu relato! Eu, cá de longe, fico a imaginar a felicidade de todos e à espera de fotos, para poder sentir-me um pouco mais próxima nestes eventos, já que a distância me impede de ali estar com todos aqueles que já sao parte de minha vida!
Beijos e sorrisos para ti!

5:18 da manhã  
Blogger trintapermanente said...

... faltou também Guinevere :)
cá fico à espera de outras tavolas e da ordem. o texto está um espanto!
p.s. o seu blog está pilhas de girooo, sei lá ;)

9:49 da manhã  
Blogger trintapermanente said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

9:50 da manhã  
Blogger Noel Santa Rosa said...

Amigo Augusto, se a Sandra se sentiu qual Guinevere, eu depois deste teu belíssimo texto sinto-me como a Dama do Lago!

Lago mágico de emoções e sentimentos em que nos banhamos quando estamos entre gente linda, sensível e humana como foi este encontro.

Inesquecível!

Beijo

10:23 da manhã  
Blogger Paula Raposo said...

Está muito bonito o teu texto sobre o nosso jantar. O jantar da Irmandade, e que foi inesquecível, e deu um enorme prazer a quantos puderam estar presentes. Beijos para ti, e pelo menos a 21 de Janeiro lá estaremos...

12:51 da tarde  
Blogger rajodoas said...

Este texto sem dúvida excelente, mesmo se não soubessemos quem o assinava, conseguiamos advinhar o seu autor.
E porque o tempo é sempre curto não nos permite dialogar com outras pessoas uma vez os temas não se esgotarem com o primeiro interlocutor. Mas outras oportunidades teremos para outros diálogos. Com um abraço do Raul

5:08 da tarde  
Blogger stillforty said...

Pois foi muito bom, conhecer tanta gente bonita.

O texto está nota dez;)

A tua nova casa também está o máximo!
Beijos

7:08 da tarde  
Blogger Peter said...

Fico à espera, embora já seja muito, muito Kota. LOL

7:26 da tarde  
Blogger Alexandre Narciso said...

Estou a ver que foi um excelente convivio Augusto! By the way, o novo template está muito bom.
Abraço

3:01 da tarde  
Blogger Adryka said...

Ora meu querido Augusto isto, é um post daqueles que eu adoro ler, fantasias quem não acredita nelas magias e tudo acho que a nossa vida sem isso seria uma estupides.
Beijinhos amigo

5:18 da tarde  
Blogger BlueShell said...

nada disso: mau perder...nunca!

tenho é a minha sogra muito doente. Suspeita-se de alzheimer...

beijo ternurento, BShell

7:19 da tarde  
Blogger Geosapiens said...

...sim foi muito bom...gostei do convívio...com todos...
...quanto a ti fernando...gostei do fleumatismo britânico...demonstra uma pedra...tão lapidada...que está próxima da tábua de esmeralda...
...o teu blog...uma óptima surpresa...gosto da cor...é a mesma que a da minha página de Internet...
...os outros post estão muito bons...uma refeição de cultura...
...um abraço...

10:08 da tarde  
Blogger lazuli said...

Quase tão bom como se estivesse estado com vocês, ler-te deste jeito**

2:27 da manhã  
Blogger dulce said...

Venham elas!!
Bjs

12:12 da tarde  
Blogger Leonoretta said...

ola augusto
e sempre um prazer ler os comentarios que me deixas no meu sitio. desta vez nao pude estar presente no jantar e tive muita pena mas no dia 21 conto estar co o VP e cinhecer mais gente nova e desfrutar da companhia daqueles que ja conheço.

abraço da leonoreta

6:06 da tarde  
Blogger Friedrich said...

Andas-me a enganar Augusto… Então a fonte de texto do teu blog é do tamanho que tenho no meu…  Ai, ai, ai!
Está muito bem arrumadinho o teu blog agora, mas o que salta mais à atenção é a tua foto tão característica de dedinho no ar; mas vá lá, os copos estão vazios. Estou de acordo contigo em tudo o que dizes, os blogs entre nós passaram a ter outro significado, ganharam vida, o interessante deles é que conhecemos os seus autores incutindo nestas iniciativas uma amizade em ascensão.

Um forte abraço

Ps:- Nos comentários do blog para não fechar a página e abrir comentários, faz o seguinte, em:

Alterar definições – Comentários

Nas determinadas opções está uma que diz:

Mostrar comentários em uma janela pop-up?
Coloca o sim

6:25 da tarde  
Blogger Fernando B. said...

Camarada Augusto,

Com que então meu Pajem? Que riqueza de paginação...

Vocês nem calculam a trabalheira que tenho tido com as fotografias. Nem sei se amanhã, sexta, terei as páginas prontas. Logo se vê.

O teu texto é um relato estupendo, como tudo o que escreves.

Meu Pajem, já iniciaste a demanda do local para o próximo repasto?

O novo "look" do teu blog está fantástico!

Um Abração,

7:59 da tarde  
Blogger Mitsou said...

Augusto, venho só de fugida agradecer-te as visitas e "roer-me" de inveja de todos que estiveram no jantar do dia 15 :)

P.S. Amigo, o "tijolo" é o livro que ando a traduzir e não (infelizmente) uma casa nova. Mas quando estiver nas livrarias, aviso :))

Beijinhos e votos de um óptimo fim de semana.

5:47 da tarde  
Blogger sal said...

Amigo Augusto:

Eu...um dia destes...num desses mágicos jantares apareço. Não prometo nada...já sabemos que a magia: Acontece!

Abraço!

ARP

5:23 da tarde  
Blogger Kwan said...

Excelente iniciativa! Keep it coming...

12:35 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home